Crónicas das Maternidade

Thoughts, stories and ideas.

Autoria de Patrícia Costa
Todos os direitos reservados.
2018

Portugal dos Pequeninos

Crónica de 12 / 08 / 2015

Ontem um casal amigo estava na praia com o filho.

Em determinado momento, estavam todos no mar quando entra uma gorda (que palavra deselegante não é?) e diz, meio a falar sozinha, meio a querer meter conversa:

– ai que menino tão lindo!

E eis que o menino vai ter com a mãe e depois volta para onde estava.

E vira-se a gorda (e eu a dar-lhe…) outra vez:

– ó meu menino lindo e agora não vais ter com a…. a….. tia? avó?

e diz-lhe a mãe:

– com a outra mãe!

E a gorda, se pudesse, tinha engolido os 80 kg que tinha a mais, só para poder sair dali depressa e ir rezar um terço ou coisa que lhe valha. Porque no meio de tanto quilo a mais, havia pouca tolerância à diferença.

Disclamer: É feio chamar gorda às pessoas da forma que o fiz. É preconceituoso. É preconceituoso achar que o amor só tem um formato. E é feio achar que a minha amiga, que por acaso tem cabelos brancos mas tem um corpo invejável, podia ser avó da criança! (não podia não terminar com uma cena de gaja :))

Infelizmente, Portugal dos Pequeninos não é só em Coimbra…

Mais Crónicas:

-->