Crónicas das Maternidade

Thoughts, stories and ideas.

Autoria de Patrícia Costa
Todos os direitos reservados.
2018

Não queriam acreditar que levaste a tua filha para a reunião!

Crónica de 10 / 09 / 2015

Disse-me um amigo que trabalha num local onde fui a uma entrevista de trabalho… com a minha filha.

Deixem-me que corte já caminho: continua a existir uma enorme discriminação contra mães em Portugal!

Desenvolvem-se políticas amigas da parentalidade. Aumentam-se os horários de amamentação. O tempo de licença parental do pai. O diabo a sete.

A verdade é uma e só uma: mãe que trabalha é altamente discriminada. Por homens e mulheres.

Há sempre alguém que acha que sair porque o filho esta doente é aproveitamento. Há sempre alguém que acha uma criança não pode ir a uma reunião, mesmo que a mãe não tenha onde a deixar. Há sempre alguém que acha que depois de ser mãe, a mulher perdeu potencial produtivo.

Sabem o que acho? Acho que uma sociedade que trata as crianças como nunca gostaria que tratassem os seus filhos, é uma sociedade que se prepara para ter adultos que nunca gostaria que fossem os seus filhos.

Só que nesse dia, essa sociedade será velha e indefesa. E será demasiado tarde para voltar atrás e dar valor ao trabalho importante que tem uma mãe (e um pai).

Tenho dito.

Mais Crónicas:

-->