Crónicas das Maternidade

Thoughts, stories and ideas.

Autoria de Patrícia Costa
Todos os direitos reservados.
2017

Famílias.... blargh!!!

Crónica de 02 / 11 / 2015

Já todos pensámos assim, pelo menos uma vez na vida… certamente várias na adolescência (prologanda!)

A verdade é que a familia não é perfeita. Não é feita das pessoas que escolhemos. É até, pelo contrário, composta por pessoas que, se quisermos, enumeramos mais defeitos do que qualidades.

É assim exactamente porque os conhecemos de perto. E, provavelmente, são eles que têm a possibilidade de nos ver nos piores olhos.

Eu passei muitos anos “zangada” com a minha família.

Mas se há coisa que a vida tem é sentido de humor. E portanto ficares zangada só porque sim não é fácil.

Os últimos anos mudaram a minha vida de pernas para o ar. De empresária a desempregada. De solteira a mãe e dona de casa. De confiante a humilde. De zangada a agradecida.

A verdade é que mesmo com os melhores amigos do mundo, são aqueles, os defeituosos da nossa familia, que melhor ouvem o nosso choro escondido. Que melhor nos afagam o cabelo, nos dão um abraço, nos permitem continuar a ser filhas. Mesmo depois de termos sido mães.

E quando hoje em plena Worten desato a chorar baba e ranho porque o meu irmão, para me ajudar, me oferecerá de prenda de anos o microondas que teria, de outra forma, dificuldade em pagar, pensei: vou escrever sobre isto. Sobre este olhar maravilhoso com que se pode olhar para a familia.

Isto foi o que pensei às 4, às 5 e até às 7 da tarde. Depois demorei 1,5 horas a adormecer a Clara. Sim, uma hora e meia. uuuuuma hooora e meeeeia!

E quando eu já espumava da boca e deitava fumo pelas orelhas percebi: também ela se vai zangar comigo antes de me amar de facto incondicionalmente. E isso vai-me partir o coração. Tal como eu terei, provavelmente, partido o coração à minha família. Porque a minha lição não é só minha, é de todos:

Temos de nos saber zangar com quem amamos. E a família, essa vai estar sempre lá quando voltarmos.

Boa noite

Mais Crónicas:

-->