Crónicas das Maternidade

Thoughts, stories and ideas.

Autoria de Patrícia Costa
Todos os direitos reservados.
2018

Que trago eu nas férias?

Crónica de 15 / 09 / 2016

Vou-vos dar a minha opinião sincera sobre a vantagem dos brinquedos:

  • distraem os putos;
  • safam-nos de distrairmos os putos.

É para isso que servem e fazem-no muito bem porque, sejamos sinceros, há momentos que dávamos um mindinho para nos enfiarmos numa bolha só para ter 5 minutos a certificar-nos que ainda temos cérebro.

Mas por mais que tenham essa missão salvadora e gloriosa, são assim quase como um comprimido ou antibiótico para mim: usar apenas quando definitivamente necessário.

E a verdade é que vir sem brinquedos nos obriga às duas a coisas importantes:

  • à Clara a inventar brincadeiras e procurá-las no mundo a seu redor
  • a mim, a brincar com ela, sair do telefone, pois não é justo que ela brinque com troncos e eu com iPhones... e estar presente, no presente, com ela.

Por isso, o que veio foi o indispensável:

  • livros para ler. São insubstituíveis... além de que esta colecção é a única que ela gosta de ler no WC :)
  • canetas e papeis para desenhar. temos desenhados as duas várias personagens dignas de ser exportadas para o cinema!

  • carrinhos de €1,5 porque ela adora carrinhos, já comentei não já? Comprei aqui, 2: um para cada mão.

E sabem que mais?

Sabe bem largar tudo e perceber que podemos ser a melhor companhia dos nossos filhos... bem como a nossa própria ;)

Mais Crónicas:

-->